Sobre_ ALI_SE
_
a árvore ao jardim
Alice Valente Alves

As Artes e as suas práticas

Toda a concepção e realização das artes e em suas manifestações artísticas insere-se sempre num pensamento Artístico-Filosófico. A arte jamais se poderá aliar a demagogias ou conceitos económico-políticos. Quero com isto dizer e a afirmar, que será impensável fazer-se das artes meros produtos de cura ou consumo. E porque, será sempre em seu inverso que se poderá despoletar a via da vida e do que é artístico ou seja, não é importante como se faz a obra e em seus mecanismos de pretensas ideias tecno-estereotipizantes, o que é preciso é que surja sempre numa espontânea e livre autonomia através do pensar e do sentir, a justificar na prática, a obra enquanto arte, pelo intuir, como a razão primeira do pensamento. E ainda no que diz respeito à vida enquanto vida, é através desse pensamento Artístico-Filosófico e em suas práticas e, porque lhes está subjacente, deixar que surja essa harmoniosa revelação de um saber no que é o criar a cuidar e proteger de tudo e de todos que nos rodeiam.

E o maior erro que aí vem e que salta já à vista, é o de querer pôr em prática uma Educação Artística, direccionada por cientificidades educacionais de modernices sem nexo, assentes em obsoletas e malogradas psicologias freudianas, lacanianas e até kleinianas e, entre outras que perpassam por aí em esfusiante e crescente expansão. Estudos estes que se têm revelado apartados das verdadeiras práticas do que é a força da criação artística. Em ideias estas que por tão redutoras, mesquinhas e ainda porque associadas a experiências mercantilistas e a permitirmos serem postas em prática, irão efectivamente destruir por completo toda a capacidade de se pensar, de se sentir, de se intuir e de se viver em valores de Ética e Estética.



Post's relacionados em ALI_SE:

Os apossados da arte a transformá-la em não-arte

O perigoso "Psico-ENSINO"


LinkWithin

Related Posts with Thumbnails

Páginas